Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

just say it

este é um contributo para chegarmos a quem está do lado de lá, porque importa sermos mais activos e disponíveis para o que está em nosso redor. a surpreender na forma como o fazemos. a termos mais e melhores resultados.

just say it

este é um contributo para chegarmos a quem está do lado de lá, porque importa sermos mais activos e disponíveis para o que está em nosso redor. a surpreender na forma como o fazemos. a termos mais e melhores resultados.

sobre a imagem pessoal #6

boas-vistas.jpg

 

há uns anos, num workshop sobre imagem, dizia a modelo que conduzia a sessão que nos dias 'neura' não vale a pena irmos às compras. se fizermos mesmo questão, então que compremos um elástico para o cabelo (as senhoras), um par de meias (os senhores, se se sentirem imbuídos do mesmo espírito consumista).

hoje pensei nas escolhas, tão mais difíceis, sobre o que vestir, o que calçar, nos dias difícieis. naqueles dias em que nada, nada mesmo parece estar a funcionar.

podemos ter e seguir uma estratégia nestas alturas?

devíamos ter uma estratégia sim. bem escrita e descrita, colada algures num sítio bem visível, para não a perdermos de vista. 

e que estratégia poderia ser esta? ocorreram-me três possibilidades:

1. a estratégia segura - ter um kit 'seguro', daqueles que quase nos torna transparentes, pois dessa forma seremos quase, quase invisíveis, já que quase ninguém dá por nós. estaremos como que camuflados.

2. a estratégia para contrariar o mood do dia - ter um outro kit composto por peças que nos fazem sentir precisamente o oposto: dão-nos confiança, dão-nos uma 'força' maior que deita por terra (ou quase) a neura com que acordamos. será quase que o amuleto para a boa disposição.

3. a estratégia arrojada - e que tal criar o kit, combinando peças de uma forma que não nos é óbvia ou comum nos outros dias? substituimos o mood neura pelo desconhecido que nos desconcerta. é um enfrentar a neura com alegria. com a incerteza. e receber algo em troca, que não sabemos bem o quê à partida. uma surpresa, portanto. porque não?

 

Be, Great!

www.plus.com.pt