Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

just say it - Guia prático para se fazer ouvir

este é um contributo para comunicar melhor e chegar a quem está do lado de lá, na audiência, seja uma cara ou duas ou imensas. para termos mais e melhores resultados. para comunicarmos e sermos recordados.

just say it - Guia prático para se fazer ouvir

este é um contributo para comunicar melhor e chegar a quem está do lado de lá, na audiência, seja uma cara ou duas ou imensas. para termos mais e melhores resultados. para comunicarmos e sermos recordados.

19 de Junho, 2020

Ouvir com os Olhos!

claudia nogueira

Estamos a habituar-nos ao uso de máscaras, para protecção do vírus temido. E procuramos formas de lidar com o tema, seja procurando o modelo que melhor se nos adapta - ao formato do rosto, ao conforto de utilização, entre outros factores - ou modelos que não nos 'apaguem' a expressão.

Deixámos de aceder a informação sobre o outro, na medida em que não lhe adivinhamos a expressão. Salva-se, ou pode salvar-se, quem tem um olhar expressivo, mas ainda assim, perdemos-lhe o sorriso.

O que muda na comunicação? No imediato, muda muita coisa. Afinal a expressividade é uma parte muito relevante da comunicação não-verbal. O que podemos fazer para acolher a mudança?

Ter mais atenção, muito mais atenção. Olhar nos olhos, frente a frente, que agora será acolhido como necessário. Ter um olhar que ouve será fundamental!

E dar vida às mãos, que agora também se inibem ao toque. Reforçar a mensagem e a intenção com mãos que falam, que somam valor, que acrescentam.

E deixar de lado a impaciência que a situação pode levantar. Mas como?

Aceitando, ao usar a máscara por algum tempo, todos os dias, mesmo quando já não é necessário. Assim estará a ambientar-se e a por de parte o constante levar das mãos ao nariz, às bochechas, a ajeitar o elástico, a altura.

Be Great!

ouvir_com_os_olhos.jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.