Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

just say it

este é um contributo para chegarmos a quem está do lado de lá, porque importa sermos mais activos e disponíveis para o que está em nosso redor. a surpreender na forma como o fazemos. a termos mais e melhores resultados.

just say it

este é um contributo para chegarmos a quem está do lado de lá, porque importa sermos mais activos e disponíveis para o que está em nosso redor. a surpreender na forma como o fazemos. a termos mais e melhores resultados.

a vulnerabilidade é um acto de coragem!

vulnerabilidade.jpg

a vulnerabilidade é, sobretudo, nos dias que correm, um acto de coragem. mas é também o melhor resultado na humildade na escala devida. 

estar vulnerável é aceitar que nos expomos. é perceber que estamos ali - ao vivo e a cores - perante todos os outros à nossa volta. sabendo que isso nos pode trazer desconforto. e sem problema de maior com esse desconforto. 

talvez por isso, esse desconforto vai ficando mais leve e menos pronunciado.

estar vulnerável torna-nos, , ao mesmo tempo, profundamente conscientes, presentes no momento. e ao estarmos assim, presentes e conscientes, estamos genuinamente entregues ao resultado que queremos obter. ganhamos a confiança que nos faltava para contrabalançar   o nervo miudinho que se começava a instalar na nossa cabeça, nas nossas mãos, na nossa barriga, ou onde for.

se pendurarmos neste resultado o nosso melhor sorriso, o olhar mais atento, as mãos e o corpo começam a ganhar força. vontade de se mexer. e nós com eles. as palavras ganham todo um novo sentido. e o resultado... bem o resultado é uma flecha directa ao coração da nossa audiência.

sejamos os corajosos que aceitam a sua vulnerabilidade. é quando começamos a divertir-nos, de facto, com a nossa exposição. e com o facto de estarmos, confortáveis e confiantes, no meio de quem nos ouve.

 

Be Great!